O Mercado de trabalho mudou e não é de hoje que ter uma ótima Formação Acadêmica e Experiências incríveis não garantem um bom emprego ou uma promoção.

O que realmente importa é:

  • O que você sabe fazer?
  • Como você está mostrando suas habilidades no currículo e Linkedin?
  • O que você tem postado e comentado nas suas redes?

Estou falando da sua Imagem Profissional, a forma como você se mostra e se comunica são fundamentais para se destacar.

➡️ As pesquisas mostram que as empresas buscam a combinação de:

  • Soft skills, habilidades socioemocionais: habilidades “menos palpáveis”, relacionadas interação com outras pessoas, por isso, é mais difíceis de quantificar. Exemplo: empatia, inteligência emocional, etiqueta, resiliência, colaboração e comunicação.
  • Hard skills, habilidades técnicas que você pode aprender e são facilmente mensuráveis. Exemplo: habilidade de usar um software, a fluência em um idioma ou domínio de uma ferramenta.

O profissional precisa ser estratégico para mostrar que além de qualificado ele também tem as habilidades que a empresa está buscando.

Não é à toa que a CRIATIVIDADE aparece no topo da lista.

Com a Pandemia muitos processos digitais foram acelerados e as empresas estão buscando cada vez mais a migração para o digital, por isso, o setor tecnológico segue em alta.

2020 ainda reserva muitos desafios principalmente para os profissionais que buscam recolocação.

Por ser difícil descobrir quais são as habilidades mais importantes para as empresas e como o seu currículo pode se destacar em um processo seletivo o LinkedIn fez um mapeamento sobre as competências mais solicitadas no mercado de trabalho em 2020.

O LinkedIn usou dados de mais de 660 milhões de profissionais que fazem parte da rede social e cerca de 20 milhões de listas de empregos para medir as habilidades mais requisitadas neste ano.

Capacidade de lidar com a tecnologia blockchain está no topo da lista. É a primeira vez que esses profissionais ficam no topo da lista de habilidades profissionais do LinkedIn.

O Fórum Econômico Mundial (WEF, na sigla em inglês) incluiu “especialistas em blockchain” em uma lista de profissões cuja importância aumentará nos próximos quatro anos.

➡️ 15 habilidades mais requisitadas em 2020

1. Gerenciamento de blockchain

2. Computação na nuvem: tecnologia que permite armazenar e gerenciar dados na internet

3. Raciocínio analítico: a capacidade de interpretar dados e descobrir ideias que ajudem a tomar decisões de negócios

4. Inteligência artificial: a combinação de algoritmos para máquinas desenvolverem capacidades semelhantes às do ser humano

5. Design UX: design com foco na experiência dos usuários do produto

6. Análise comercial

7. Marketing

8. Vendas

9. Computação científica

10. Produção de vídeo

Habilidades de “soft skills”:

1. Criatividade

2. Persuasão

3. Colaboração

4. Adaptabilidade

5. Inteligência Emocional

Referências/Fonte: Linkedin | Época Negócios | Economia UOU

Quer saber mais? Vem participar do Grupo: Descomplicando o LinkedIn, só clicar.

Karla Apratto, Professora e Consultora de Carreira